ESTRATÉGIAS PARA A AQUISIÇÃO E A CRIAÇÃO DO CONHECIMENTO NA PERSPECTIVA DA ENGENHARIA DO CONHECIMENTO:

Uma revisão de escopo

Autores

  • Ana Cristina Cravo SENAI/SC - Florianópolis
  • Cleunisse Aparecida Rauen De Luca Canto
  • Raquel Hahn de Lima
  • Rogério Cid Bastos

Resumo

Objetivo: Identificar métodos e técnicas que podem ser observados na literaturapara a aquisição e a criação do conhecimento na perspectiva da engenharia doconhecimento. Método: Uma revisão de escopo foi realizada em cinco bases dedados. Os estudos incluídos foram os que apresentaram o constructo ‘knowledgecriation’ no título, abstract ou palavras-chave e que durante a leitura completapermitissem identificar métodos e técnicas auxiliares a criação do conhecimento,tendo como suporte a engenharia do conhecimento. Resultado: Vinte e cinco(25) estudos estão contemplados, sendo treze (13) dentro do espaço temporalde 2016 a 2020 e doze (12) de 2004 a 2015. As dimensões organizacionaisabrangidas são cultura organizacional, aprendizagem organizacional, cogniçãoorganizacional, processos e rotinas, capital intelectual e capacidade absortiva/inovação. Conclusão: Observou-se que a engenharia do conhecimento disponibilizadiferentes ferramentas tecnológicas como estratégia para a aquisição ea criação do conhecimento, dando suporte à gestão do conhecimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Cristina Cravo, SENAI/SC - Florianópolis

Possui graduação em serviço social pela Universidade Federal de Santa Catarina (1997). Atualmente é Assistente Pedagógico da Faculdade de Tecnologia do SENAIsc - Florianópolis. Maiores informações no currículo lattes.

Downloads

Publicado

2021-12-21

Como Citar

Cravo, A. C., Aparecida Rauen De Luca Canto, C., Hahn de Lima, R., & Cid Bastos, R. (2021). ESTRATÉGIAS PARA A AQUISIÇÃO E A CRIAÇÃO DO CONHECIMENTO NA PERSPECTIVA DA ENGENHARIA DO CONHECIMENTO:: Uma revisão de escopo. Revista E-Tech: Tecnologias Para Competitividade Industrial - ISSN - 1983-1838, 15(1). Recuperado de https://etech.sc.senai.br/edicao01/article/view/1189

Edição

Seção

Artigos