Processo de extração das proteínas de soro de leite para produção de concentrado proteico

Autores

  • Gabriela Bagio Luz

DOI:

https://doi.org/10.18624/e-tech.v9i2.507

Palavras-chave:

Proteínas de soro de leite. Ultrafiltração. Concentrado proteico.

Resumo

O soro de leite, obtido como subproduto durante o processamento de queijos e gerado em larga escala em laticínios, possui elevado valor nutricional decorrente de sua composição de proteínas de alto valor biológico, aminoácidos essenciais e de cadeia ramificada. O método de extração das proteínas de soro de leite mais utilizado é a ultrafiltração, sendo um processo de separação do soro em que a água e os solutos são removidos pela passagem por uma membrana semipermeável, resultando na concentração das proteínas de soro de leite. A metodologia utilizada na elaboração deste artigo consistiu em revisão bibliográfica, sendo levantados dados sobre o tema por meio de livros, artigos nacionais e internacionais, impressos e online, dissertações de mestrado e teses de doutorado. O impacto ambiental gerado pelo descarte incorreto deste subproduto tem levado à utilização dos concentrados proteicos também chamados de whey protein, para produção de suplementos alimentares de uso esportivo. A funcionalidade tecnológica dessas proteínas também possibilita seu uso pelas indústrias de alimentos como matéria-prima para formulações de produtos, dada sua capacidade absortiva, elástica, gelificante, emulsionante e outras propriedades funcionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-12-12

Como Citar

Bagio Luz, G. (2016). Processo de extração das proteínas de soro de leite para produção de concentrado proteico. Revista E-Tech: Tecnologias Para Competitividade Industrial - ISSN - 1983-1838, 9(2), 137–150. https://doi.org/10.18624/e-tech.v9i2.507